Buscar
  • Marilice Zanato

As intermináveis discussões sobre o que é de menino e o que é de menina

Atualizado: Abr 13

Porque nos preocupamos tanto com o que é brincadeira de menino e o que é brincadeira de menina?


Como se brincar de casinha ou de carrinho fosse estabelecer uma segurança saudável sobre as futuras escolhas de nossas crianças.


Como se na realidade houvesse essa suposta segurança.


Se você teve a oportunidade de brincar, durante sua infância, pode ser que se recorde de alguma brincadeira que era muito divertida. E muitas vezes brincadeiras que eram consideradas de menino ou menina atraiam pela diversão e não pela questão de gênero.


Brincar de skate; patins; carrinho de rolimã; boneca; bola ou que mais houvesse de ser… A diversão estava justamente na brincadeira e não no que nós adultos vemos como certo ou errado.


Para a criança o que importa é a diversão e não o julgamento que impomos a elas.


Mas acima de tudo, o que realmente importa para a criança é ser amada; valorizada em seu potencial criativo e respeitada.


As crianças precisam de carinho, cuidado e educação. De valores que só a família pode ensinar através das gerações.


E sim, a partir da constituição destes pilares, essa criança poderá crescer sabendo se respeitar, ser quem ela realmente quer ser e depois disso, fazer suas escolhas de amizades, profissão, sexual e o que mais tiver de ser escolhido.


Se você realmente ama seu filho ou a criança que é de sua responsabilidade: ensine ela a se amar e respeitar. Ensine ela a ler e a escrever; ensine ela a questionar e se responsabilizar pelo mundo que a cerca e por suas escolhas.


E a partir dai, você terá criado um ser humano digno e que poderá escolher o que quiser para seu futuro e para sua vida.


Por que simplesmente ela saberá o que é ou não melhor para ela!

Categorias

Tags

Observação:

Todo o conteúdo deste blog é de minha autoria.

Ele tem o objetivo de informação e reflexão e não substitui o processo psicoterapêutico.
 

Caso queira publicar algum texto do blog, peço por gentileza mencionar a autoria e me encaminhar um link para que eu também possa acompanhar a publicação.

Receba as novidades
do blog! 

Obrigado pelo envio!