Buscar
  • Marilice Zanato

Constelação Familiar – Escolha Profissional X Promessas feitas no passado

Atualizado: Abr 14


Cliente procura constelação, pois está em um momento da vida que deseja seguir uma carreira, mas está com grande dificuldade para decidir o que fazer.


Após conversarmos um pouco, e conhecer um pouco mais sobre sua história familiar, iniciamos a constelação.


Informo para ela que iriamos experimentar a constelação, uma vez que eu não estava cem por cento segura de que aquele assunto poderia ser constelado.


Importante deixar claro, que não dizia respeito a o tema em si, mas a motivação que ela trazia para constelar.


Iniciamos “a experiência” de constelação.


Peço para ela escolher um boneco que represente ela e um boneco que represente a profissão.


Ela coloca os bonecos lado a lado.


Neste momento, percebo que não se trata da profissão, mas de algo relacionado ao seu casamento.


O sistema demonstra que existe algo que diz respeito a outra história e não ligado a profissão.


Neste momento, pergunto a ela se ela havia feito alguma promessa a alguma pessoa, e ela diz que ela e o esposo haviam feito um pacto relacionado a escolha profissional, porém ele não estava cumprindo a parte dele.


Neste momento, iniciamos os movimentos, devolvendo a responsabilidade aos dois envolvidos na história, no que estava ligada a profissão e ao pacto / promessa que eles haviam feito.


Digo que a constelação encerrava-se naquele momento.


Percebo que a cliente fica um pouco decepcionada, pois constelação não trouxe a solução que ela esperava.


Digo que o sistema é sábio e nos leva ou nos mostra exatamente para o que precisamos

naquele momento. Mas que depende apenas de nós mesmos, para que possamos seguir adiante com uma nova consciência e novas possibilidades.


Obs. Lembrando que a Constelação Familiar não tem intenção de curar ou “livrar” ninguém de seus problemas ou questões, ela tem por objetivo trazer a luz ao problema, e permitir que o constelado pense a respeito e tome as decisões que melhor lhe convirem a partir deste processo.

Categorias

Tags

Observação:

Todo o conteúdo deste blog é de minha autoria.

Ele tem o objetivo de informação e reflexão e não substitui o processo psicoterapêutico.
 

Caso queira publicar algum texto do blog, peço por gentileza mencionar a autoria e me encaminhar um link para que eu também possa acompanhar a publicação.

Receba as novidades
do blog! 

Obrigado pelo envio!