Buscar
  • Marilice Zanato

Constelação Familiar – Não respeito meus chefes e tenho ódio deles

Atualizado: Abr 13


Cliente me procura, pois não consegue manter uma relação saudável com seus chefes.


Diz que acaba arrumando confusão ou eles implicam com ela, o que dificulta que ela consiga respeitá-los como tal.


Peço para cliente me contar a história de sua família e ela diz que o relacionamento com seu pai sempre foi péssimo e que ela não aceitava o relacionamento dela com ele.


Ela também conta a história dos seus avós.


Iniciamos a constelação e a cliente parece colocar os bonecos de maneira mais racional, deixando claro que estava com dificuldade para entrar no processo.


Fazemos mais alguns movimentos, e já estou considerando a possibilidade de encerrar a constelação dada a dificuldade de acessar o campo.


Por fim, coloco ela diante do pai e o sistema revela um abuso. Pergunto a ela se o pai havia feito algo com ela e ela responde: Eu tinha apenas nove anos.


Neste momento, deixo a cliente expressar sua raiva e tristeza em relação ao que aconteceu.


Falamos algumas frases para o pai e para a mãe devolvendo para cada um suas responsabilidades e também restabelecendo a hierarquia.


Depois, faço um movimento de acolhimento e integração da criança de nove anos que passou pela situação de abuso. Ela se reconecta com esta parte dela que ficou desamparada todo esse tempo. Cliente diz sentir-se forte e confiante e melhor do que havia chegado.


Encerro a constelação.


Obs. Lembrando que a Constelação Familiar não tem intenção de curar ou “livrar” ninguém de seus problemas ou questões, ela tem por objetivo trazer a luz ao problema, e permitir que o constelado pense a respeito e tome as decisões que melhor lhe convirem a partir deste processo.

Categorias

Tags

Observação:

Todo o conteúdo deste blog é de minha autoria.

Ele tem o objetivo de informação e reflexão e não substitui o processo psicoterapêutico.
 

Caso queira publicar algum texto do blog, peço por gentileza mencionar a autoria e me encaminhar um link para que eu também possa acompanhar a publicação.

Receba as novidades
do blog! 

Obrigado pelo envio!