Buscar
  • Marilice Zanato

Constelação Familiar – Quero seguir uma nova profissão, mas tenho medo

Atualizado: Abr 13


Este texto faz parte de uma série de textos que irá explicar um pouco como uma Constelação Familiar Individual é realizada.


Cliente me procura, pois deseja começar a trabalhar em uma nova atividade profissional, mas nunca se sente pronta para começar.


Ela diz que exerceu uma atividade por aproximadamente dez anos e acabou encerrando para cuidar de sua família.


Desde então, buscou novos conhecimentos e está investindo pesado em novas cursos, sendo inclusive, que já está sendo chamada por algumas pessoas para oferecer estes conhecimentos em instituições ligadas a este tema.


Peço para cliente me contar a história de seus antepassados e de seus pais e após conhecer um pouquinho sobre este sistema, iniciamos a constelação.


Peço para ela escolher um boneco para representar ela e um boneco para representar a nova atividade profissional.


Ela coloca a profissão exatamente em frente a ela, parecendo inclusive, estar disponível e atraída por ela. Ela diz sentir-se oprimida e mal com a profissão em frente a ela.


Por conta da história que ela me contou, eu peço para ela escolher um boneco que representasse o pai e outro que representasse a mãe.


De maneira resumida e sem expor o caso: O pai abandonou os estudos muito jovem para poder trabalhar. A mãe estudou desde jovem e formou-se na universidade.


De alguma maneira, havia um vínculo dela com a história dos pais e dos avós, relacionada a estudar e nunca ser suficiente.


Ela devolve essa responsabilidade a seus antepassados, agradecendo por tudo o que eles viveram e passaram, mas que daqui para frente, ela cuidaria e faria a sua escolha.


Depois de algumas frases e movimentos, cliente diz sentir-se melhor e mais aliviada.


Coloco novamente o boneco representando a nova profissão e ela se emocionada, pois sentiu ser um encontro que já deveria ter acontecido.


Encerramos a Constelação.


Obs. Lembrando que a Constelação Familiar não tem intenção de curar ou “livrar” ninguém de seus problemas ou questões, ela tem por objetivo trazer a luz ao problema, e permitir que o constelado pense a respeito e tome as decisões que melhor lhe convirem a partir deste processo.

Categorias

Tags

Observação:

Todo o conteúdo deste blog é de minha autoria.

Ele tem o objetivo de informação e reflexão e não substitui o processo psicoterapêutico.
 

Caso queira publicar algum texto do blog, peço por gentileza mencionar a autoria e me encaminhar um link para que eu também possa acompanhar a publicação.

Receba as novidades
do blog! 

Obrigado pelo envio!