Buscar
  • Marilice Zanato

Não envolva seus filhos em seus problemas

Atualizado: Abr 14

Corriqueiramente tenho observado pessoas que contam histórias envolvendo crianças no que diz respeito a envolver elas nos problemas de adultos.


O que isso quer dizer?


Por exemplo: Um casal resolve se separar e começa a contar para as crianças coisas que dizem respeito somente aos pais como uma tentativa de fazer a criança tomar partido a seu favor. Desde quando uma criança tem estrutura, maturidade ou conhecimento para lidar com assuntos que só dizem respeito ao universo dos mais velhos?


O que uma criança tem realmente a ver com os problemas dos pais?


Na minha modesta e singela opinião, acredito que nada.


Crianças foram colocadas no mundo como fruto do amor (sim, um dia lá atrás houve amor para de alguma maneira esses dois adultos se encontrassem e gerassem uma vida, de maneira intencional ou não) e a criança é uma vida que se apresenta a esse mundo.


Criança tem que ser tratada como criança, criança não sabe resolver problemas de gente grande; criança tem que estudar, brincar, se divertir e aproveitar a vida que ela tem de criança!


E não digo que os pais fazem isso por mal, mas a mágoa ou ressentimento que acabam tendo pelo parceiro desencadeia comportamentos que são irracionais.


Adultos possuem a capacidade de respirar fundo e pensar a respeito antes de fazer ou falar uma bobagem.


Crianças ainda não desenvolveram essa habilidade, ou seja, criança escuta e fala, criança aprende e reproduz.


E o que você mostrar ou ensinar para ela, ela provavelmente reproduzirá sem pensar se é certo ou errado, ela simplesmente faz.


Então pais, em respeito a criação, a vida e ao futuro emocional de suas crianças, respeitem o espaço delas, não discutam na frente delas assuntos que não dizem respeito ao repertório e nem ao universo delas.


Elas já tem os problemas delas para resolver, que para nós adultos parecem bobos, mas se lembrarmos que um dia fomos crianças, lembraremos que talvez não tenham sido tão bobos assim.

Categorias

Tags

Observação:

Todo o conteúdo deste blog é de minha autoria.

Ele tem o objetivo de informação e reflexão e não substitui o processo psicoterapêutico.
 

Caso queira publicar algum texto do blog, peço por gentileza mencionar a autoria e me encaminhar um link para que eu também possa acompanhar a publicação.

Receba as novidades
do blog! 

Obrigado pelo envio!