Buscar
  • Marilice Zanato

Hoje eu resolvi virar a louca da faxina

Atualizado: Abr 13


Tem dias que a gente fica desesperada só de imaginar a quantidade de coisas que tem para resolver e tirar da frente.


Coisas de casa, do trabalho, das crianças, e chega uma hora que parece que até mesmo o nosso cérebro fica “bugado” pensando por onde começar, por conta de tantas responsabilidades.


Mas uma coisa que a maioria de nós fazemos é pegar tudo para resolver de uma vez, e sim, ficamos absurdamente desanimados.


Claro! – Imagina a cena:


Aquele guarda roupas que tem seis portas e maleiro gigante. E você sabe que o inverno está chegando e existem peças que você não quer mais usar, porque não servem mais ou porque você enjoou delas.


Ai resolve tirar as peças, e de repente, quando se dá conta, tirou tudo do guarda roupas e só de imaginar que vai ter que organizar, limpar e colocar de volta, já dá aquela desanimada mais do que básica.


Então te pergunto: Porque queremos fazer tudo de uma vez só?


Demorou um ano para virar aquela bagunça, e de repente, quer que com o piscar dos olhos tudo vire lindeza na sua frente?


Porque a gente não começa do pequeno? Vai devagar e quando perceber já terminou.


Começa pelas coisas mais simples e fáceis de tirar da frente, por exemplo: o armário dos potinhos plásticos e tampinhas que magicamente ficam sem seus pares…


Depois, vai para outro departamento da vida, como por exemplo: Documentos e papéis de despesas que já foram quitadas, mas que ficam naquela gaveta mágica (todo mundo tem uma gaveta dessas) que vira o “coloca tudo lá, que um dia eu vou arrumar”, mas esse dia não chega nunca, porque só de imaginar ter que colocar aquilo em ordem já dá vontade de jogar ela no lixo.


O que eu estou querendo dizer é que temos que nos responsabilizar pelas coisas que bagunçamos e que depois temos que arrumar. E tudo bem!


Começa do pequeno, e aos pouquinhos, você vai se dar conta que fez um trabalho em tanto.


Se cobre menos!


Faça o que está ao seu alcance!


Não tente abraçar o mundo em um abraço!


Faça no seu tempo e da maneira que melhor for para você.


Mas faça!


E pare de se torturar querendo resolver tudo!


A vida está ai para ser vivida, e não para ser sofrida.


Bom final de semana!

Categorias

Tags

Observação:

Todo o conteúdo deste blog é de minha autoria.

Ele tem o objetivo de informação e reflexão e não substitui o processo psicoterapêutico.
 

Caso queira publicar algum texto do blog, peço por gentileza mencionar a autoria e me encaminhar um link para que eu também possa acompanhar a publicação.

Receba as novidades
do blog! 

Obrigado pelo envio!