Buscar
  • Marilice Zanato

Cuidado com as palavras (e muito obrigada!)

Atualizado: Abr 14


Uma pessoa me mostrou um texto no jornal que eu havia escrito há certo tempo atrás.

Quando ela me mandou a imagem pelo aplicativo de celular, eu fiquei lisonjeada, achei interessante, pois o texto tinha ido parar em um lugar um pouco distante (Pelo menos distante na minha imaginação).


Nesse dia fiquei pensando sobre responsabilidade e palavras, na realidade, eu sempre penso sobre responsabilidade e palavras.


Na maior parte do tempo, nos relacionamos com pessoas e temos por condição a linguagem, que no nosso caso, pode ser realizado através delas: as palavras.


Um dia ruim; um dia de mal humor; um dia de TPM….

Um dia feliz; uma notícia feliz; um novo amor; uma nova casa…


Tudo isso pode influenciar a nossa vida e a forma como escolhemos lidar com isso profundamente.


Se em uma conversa ou discussão, uma palavra escapa e é dita de uma maneira diferente, ou ainda, se uma palavra escapa e é ouvida de maneira diferente… Pronto: Tudo fica diferente.


E no final das contas, fiquei sabendo que esse texto que eu recebi, estava colado em um local visível para esta pessoa, é um texto utilizado para reflexão diária. Todos os dias, essa pessoa escolheu esse texto para lhe oferecer ou fazer reencontrar aspectos dele, que estão lá, sempre estiveram… mas puderam ser despertados por minhas palavras.


Nesse mesmo dia, eu também tive a oportunidade de encontrar uma pessoa que eu conheci por outros motivos, e me contou que lê e repassa esses textos para amigos, sempre que os recebe, pois eles estão lhe auxiliando, como parte do processo que ela já vem realizando de auto conhecimento e resignificação, inclusive com uma outra profissional da psicologia.


Nesse dia, minha cabeça não conseguiu parar por um instante.


Da responsabilidade inimaginável e intangível de que palavras tem poder para tudo! De reconectar ou de destruir! De elevar ou de massacrar…


Todo dia eu penso, repenso, avalio, reavalio, respiro fundo e mergulho… Com cuidado, com responsabilidade, mas acima de tudo com muito amor e respeito neste universo, buscando oferecer palavras que possam dar um pouquinho de conforto, reflexão, auto estima, mas acima de tudo: Oferecer para cada pessoa que lê, a percepção de que ela é responsável e capaz de tudo o que ela acreditar e quiser!


E você, como escolhe usar suas palavras?


Categorias

Tags

Observação:

Todo o conteúdo deste blog é de minha autoria.

Ele tem o objetivo de informação e reflexão e não substitui o processo psicoterapêutico.
 

Caso queira publicar algum texto do blog, peço por gentileza mencionar a autoria e me encaminhar um link para que eu também possa acompanhar a publicação.

Receba as novidades
do blog! 

Obrigado pelo envio!